Mano Menezes sobre lance de Edílson em Nico López: “Nós não aprovamos agressividade”

O Internacional venceu o Cruzeiro por 3 a 1 neste domingo, em partida válida pela quarta rodada do Brasileirão que aconteceu no Beira-Rio

Foto: Reprodução
Paolo Guerrero
Nico Lopez
0

O Internacional venceu o Cruzeiro por 3 a 1 neste domingo, em partida válida pela quarta rodada do Brasileirão que aconteceu no Beira-Rio.

Um pouco antes do final do jogo, o lateral-direito Edílson, do time mineiro, acertou uma cotovelada na boca de Nico López e foi expulso.

Está não é a primeira vez que o ala age de má fé em confrontos contra o Inter. Quando defendia o Grêmio, ele desferiu um soco em Rodrigo Dourado.

Após o jogo, o técnico Mano Menezes lamentou a atitude do seu jogador e disse que o Cruzeiro não admite este tipo de lance.

“Nós não aprovamos agressividade. Até ele, como jogador, sabe que quando você ultrapassa o limite, tem que tomar o cartão vermelho. Foi o que eu disse aos jogadores do Inter e ao Odair: o Edilson estava errado, tem que sair e não tem mais confusão. Não tínhamos que ter encerrado o jogo assim. Não aconteceram outras coisas para acabar em confusão. Mas lógico que isso não tem minha aprovação e das pessoas dentro do Cruzeiro”, disse o treinador.

Sobre a derrota para o Inter, Mano disse que o Cruzeiro cometeu muitos erros que não são de costume da sua equipe.

“Não foi um jogo desparelho em si, mas o Cruzeiro tem cometido muitos erros onde não cometíamos, que é a parte defensiva. Hoje (domingo) sofremos três gols de rebote, e isso aponta para uma falta de posicionamento melhor. Não se pode dar tantas vantagens a um atacante como demos. Então, vamos trabalhar que é o único caminho para retomar”, analisou o técnico.

Comentários
Carregando comentários...

Este site usa Cookies para aperfeiçoar a experiência dos leitores. Aceita continuar? Aceito Ler: Política de privacidade e cookies