Luis Suárez retorna a Porto Alegre 13 anos depois de ser eliminado pelo Inter da Libertadores

Em 2006, o Internacional se tornou o Campeão da Libertadores e do Mundo, depois de vencer o Barcelona no Japão

(Foto: AFP)
Paolo Guerrero
Nico Lopez
0

Em 2006, o Internacional se tornou o Campeão da Libertadores e do Mundo, depois de vencer o Barcelona no Japão.

Na campanha da competição da América do Sul, o colorado enfrentou o Nacional, do Uruguai, que na época contava com o atacante Luis Suárez, que hoje atua no Barcelona.

Nas oitivas de final, o Inter empatou em 0 a 0 com o adversário e avançou na competição porque havia vencido o jogo de ida, no Uruguai, por 2 a 1.

“A gente já ouvia falar muito do potencial dele, que era uma promessa do futebol uruguaio. Ele foi um jogador que sempre demonstrou raça, a gente sabia que não poderia dar espaço para ele”, recordou o zagueiro Bolívar, ex-Inter e agora treinador.

Logo depois daquela Libertadores, o atacante foi negociado com o Ajax, da Holanda, onde foi artilheiro. Tal destaque o levou ao Liverpool e, posteriormente, ao Barcelona.

“Depois destes anos, quando a gente acaba vendo a história que ele escreveu, vem mais coisa à tona. Era um cara que, apesar da boa idade, já sabia fazer gols”, completou Bolívar.

Nesta quinta-feira, 13 anos depois, Suárez retorna a Porto Alegre. Isso porque a Seleção Uruguaia enfrenta o Japão pela segunda rodada da Copa América. O jogo acontece na Arena OAS, às 20 horas.

Comentários
Carregando comentários...

Este site usa Cookies para aperfeiçoar a experiência dos leitores. Aceita continuar? Aceito Ler: Política de privacidade e cookies