Gabiru revela estar dividido por conta do jogo contra o CSA e explica foto com a camisa do Grêmio

Ex-Inter, Gabiru estará dividido neste domingo

Renata de Medeiros / Agência RBS
Paolo Guerrero
Nico Lopez
0

Ex-Inter, Gabiru estará dividido neste domingo. Isso porque o jogador foi formado pelo CSA, mas alcançou o auge da sua carreira atuando com a camisa do Inter. As duas equipes se enfrentam no Estádio Beira-Rio em partida válida pela quinta rodada do Brasileirão.

O ex-jogador foi entrevistado pela Rádio Gaúcha nesta sexta-feira e comentou o duelo entre os dois times.

“Desde quando eu estava lá (CSA), nunca foi fácil. Hoje tem uma estrutura boa, mas jogar contra o Inter, campeão do mundo, é complicado. São meus dois clubes. Eu comecei no CSA, na base, agradeço ao pessoal lá de Alagoas, e também aos colorados pela Libertadores e Mundial. A gente não sabe para que lado torce, fica lá e cá”, disse.

Adriano Gabiru, no entanto, não falou somente da partida do próximo domingo na entrevista para Rádio Gaúcha. Ele também foi questionado sobre as fotos que circularam nas redes sociais em que aparecia ao lado de Perdigão vestindo a camisa do Grêmio.

“Era um jogo beneficente, a gente tem de ajudar as pessoas. Sou colorado, cara. O pessoal pensa muito diferente. Tentei ajudar e coloquei a camisa do Grêmio. Sei que tem muita rivalidade, mas fiz para ajudar. A vida continua. Sou colorado doente e, assim como eu, o Perdigão. Nem tem muito o que falar. A festa era deles, convidaram a gente. O Dinho estava lá também, o (Fábio) Rochemback. Então, fizeram essa foto, mas a vida continua. As pessoas confundem as coisas. Está aí a foto, mas eu sou colorado. Sabia que o pessoal ia falar, mas fazer o quê, né? Bola para a frente”, explicou.

Tanto Gabiru quanto Perdigão são bastante prestigiados pela torcida do Inter. Dessa forma participam de eventos consulares no interior do Rio Grande do Sul. Até por isso o ex-volante gravou um vídeo recentemente que acabou sendo divulgado pelos torcedores do Inter na redes sociais.

“Estive recebendo várias mensagens onde eu e o “matador do Barça” estivemos neste fim de semana. Mas nada de mais, apenas um evento para podermos ajudar o próximo. A gente sabe que a maior torcida do Brasil é muito maior que isso daí”, declarou Perdigão.

Comentários
Carregando comentários...

Este site usa Cookies para aperfeiçoar a experiência dos leitores. Aceita continuar? Aceito Ler: Política de privacidade e cookies