Erick Jardim: Temos a obrigação de passar

Na última quarta-feira vi um Inter que eu jamais imaginei que veria!

Paolo Guerrero
Nico Lopez
0

Na última quarta-feira vi um Inter que eu jamais imaginei que veria. Vi uma equipe que se contentou em “perder de pouco”. Isso me entristeceu, pois esperava uma atuação digna da grandeza do Inter.
Historicamente o Inter proporcionou inúmeras alegria ao seu torcedor jogando um futebol bonito e competitivo.

Na última quarta foi um time que jogou feio e acovardado. Vejo muitos torcedores focados em pedir a saída do treinador, mas não vejo no Odair o maior responsável pelo momento atual do clube. O problema se tornou institucional.

A impressão que o clube passa pra leigos como eu, é de que existe uma acomodação generalizada no clube após a década passada, e isso nos fez parar no tempo. Eu também me acomodei por um tempo, acreditando que se tratava apenas de um ciclo, mas não se tratava disso, e sim, se tratava de um processo de acomodação. Isso não ocorre desde o jogo de ida contra o Palmeiras, mas ocorre desde o dia em que conquistamos a América pela segunda vez.

Não posso usar este espaço para inflamar o torcedor pedindo que apoie o time durante os 90 minutos. Não posso pedir para que o torcedor acredite. O torcedor sempre está junto! O torcedor nunca abandonou. A única coisa que posso pedir é que todos os jogadores honrem a camisa pesada que vestem e que devolvam ao torcedor tudo aquilo que ele dá ao clube.

Eu não posso falar pelos outros, mas não aguento mais perder classificações e títulos ficando apenas com o prêmio de consolação de que “jogamos bem, mas perdemos”, “lutamos, mas não deu” e “infelizmente perdemos aquele gol”. O Inter é maior que isso! Não podemos nos manter acomodados! O Inter é gigante! Somos campeões do mundo!

O mínimo que eu espero na próxima quarta-feira é que o Inter saia de campo classificado. E não me importa que o adversário tenha dinheiro tenha o melhor time do Brasil. Futebol se joga dentro de campo. São 11 contra 11.

Quero que o Inter jogue por sua história, sua torcida, sua camisa. E quanto à torcida…faremos nossa parte, como sempre!

Comentários
Carregando comentários...

Este site usa Cookies para aperfeiçoar a experiência dos leitores. Aceita continuar? Aceito Ler: Política de privacidade e cookies