Vice de futebol do Inter fala sobre direitos de imagem atrasados e futuro de Vitão

O Colorado venceu o Red Bull Bragantino por 2 a 0 na noite deste domingo

Foto Ricardo Duarte/Internacional

Na última quarta-feira os jogadores do Inter não treinaram na parte da manhã porque estavam com três meses de direitos de imagem atrasados. Logo depois a direção do Colorado pagou dois dos três meses e os atletas trabalharam na parte da tarde.

Depois do confronto contra o Red Bull Bragantino em São Paulo, que foi vencido pelo time de Mano Menezes por 2 a 0, o vice-presidente de futebol do Inter, Emílio Papaléo, falou sobre o acontecido.

“Havia uma programação e os jogadores sabiam disso. Os direitos de imagem diferem dos salários. Considero natural dentro de um contexto de dificuldade do clube”, disse ele.

“É o nosso capitão para representar os jogadores em todas as situações. Foi um movimento de grupo onde ele foi o porta-voz”, completou ele sobre Taison.

O dirigente Colorado ainda falou sobre a possibilidade de permanência do zagueiro Vitão. O jogador está emprestado pelo Shakhtar Donetsk até o final do mês de junho e negocia permanência até dezembro.

“O que posso dizer é que ele é um excelente jogador e vamos fazer de tudo para ficar com ele”.

O Colorado volta a jogar na próxima quarta-feira, quando enfrenta na Vila Belmiro o Santos pela 10ª rodada do Brasileirão. O jogo acontece às 21:30.


Comentários
Loading...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar Aceitar Ler mais