“Não tem nenhum jogador que não possa ficar no banco”, diz Mano sobre reserva de De Pena

O Colorado superou o Red Bull Bragantino por 2 a 0

Foto: Divulgação / Inter

O Inter foi até São Paulo e venceu o Red Bull Bragantino por 2 a 0 na noite deste domingo, em jogo que foi válido pela 9ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Depois da partida, o técnico Mano Menezes concedeu entrevista coletiva e confirmou que foi escolha sua o meio-campista Carlos de Pena iniciar no banco.

“No Internacional, não tem nenhum jogador que não possa ficar no banco e não tem nenhum jogador que não possa jogar. Tinha condições de iniciar o jogo. Foi uma escolha minha, em função do histórico que o adversário tem em casa. Tem um início sempre avassalador, muito forte, e a gente necessitava de um jogador a mais no setor de contenção”, afirmou ele.

“O De Pena, como vocês sabem, é um extrema. Foi contratado como extrema. Eu o transformei ou convidei para ser um médio, volante. Fico feliz que tenha um reconhecimento externo. É sinal de que acertamos no que queríamos fazer”, seguiu Mano Menezes.

Para Mano Menezes, o Inter já fez jogos melhores na sequência de empates, mas não conseguiu colocar a bola para dentro.

“Nós temos que colocar a bola lá na casinha dos caras. Já fizemos jogos melhores e não colocamos a bola lá, nessa série de empates, por exemplo. Então, acho justo por isso. O Bragantino acertou a trave e nós um pouquinho mais pra dentro”, disse.

“A gente sabe como foi o jogo. Sabíamos como seria, nos preparamos. Penso que estamos levando a vitória porque entendemos o que fazer”, seguiu o treinador Colorado.


Comentários
Loading...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar Aceitar Ler mais