Inter é condenado e terá que pagar valor alto por não ter participado da Florida Cup; entenda

O Colorado foi condenado pela Justiça de São Paulo

Por não ter participado da Florida Cup em 2017, o Inter foi condenado, pela Justiça de São Paulo, a pagar 327 mil dólares (cerca de R$ 1,7 milhão). O valor será repassado aos administradores da competição.

A competição de pré-temporada acontece todo ano nos Estados Unidos. O Inter havia garantido presença na Florida Cup daquele ano, mas, por conta do rebaixamento, acabou desistindo de participar da competição.

Os administradores da competição afirmaram à Justiça de São Paulo que a desistência de última hora fez com que eles tivessem prejuízos, o que teria ocasionado medidas urgentes para que a Florida Cup fosse realizada.

O Inter, através da sua defesa, afirmou que, por conta do desastre aéreo da Chapecoense, o calendário do futebol brasileiro foi impactado e assim inviabilizaria a sua participação na competição.

Por conta disso, os jogadores do Inter, ainda segundo a defesa do clube, tiveram que voltar de férias no dia 11 de janeiro e não no dia 4, como estava previsto inicialmente. Com isso, as atividades começaram dois dias antes do início da Florida Cup.

O Inter foi condenado em primeira e segunda instância. A Justiça paulista entendeu que ficou claro que o clube deu preferência por se preparar para a série B e não honrou o acordo, uma vez que também não aceitou a proposta de iniciar a competição dos Estados Unidos no dia 18 de janeiro. O Colorado ainda tem direito a recurso.


Comentários
Loading...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar Aceitar Ler mais