Presidente do São Paulo revela que dirigente do time paulista disse não ao Inter

Foto: Igor Amorim/saopaulofc.net

O Inter está na busca para encontrar um novo diretor executivo. Desde que Paulo Bracks foi demitido, ainda no início de março quando o Colorado foi eliminado da Copa do Brasil para o Globo-RN, a direção do Clube do Povo procura um nome para o cargo.

Em entrevista ao GE nesta quinta-feira, o presidente do São Paulo revelou uma sondagem do Inter com um de seus profissionais. Julio Casares expôs uma conversa que teve com o mandatário do clube gaúcho, Alessandro Barcellos. O dirigente colorado perguntou sobre Marcos Biasotto, diretor-executivo das categorias base do Tricolor e ex-gerente de futebol do Internacional.

“Ele segue no São Paulo… E, realmente, agora, o presidente do Inter, Alessandro [Barcellos], lá quando eu estava na CBF, numa reunião, ele disse: ‘olha, estamos pensando aqui no Biasotto como diretor executivo no lugar do Paulo Bracks, que saiu’. E eu disse: ‘eu não gosto da ideia porque o Biasotto tem um projeto a longo prazo, é profissional, eu sei que ele foi consultado, mas ele nem abriu conversas’. Ele disse ‘tenho um compromisso com o São Paulo, estou feliz com o projeto a longo prazo, ele e Muricy”, contou Casares.

O Clube do Povo segue atrás de um nome para o cargo. Mais recentemente, o nome de Alexandre Mattos, CEO do Athletico Paranaense, foi muito falado. O dirigente do Furacão revelou à Revista Colorada que não havia sido procurado.


Comentários
Loading...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar Aceitar Ler mais