Edenilson celebra vitória e comenta confusão: “Quando perde não pode ser zoado?”

Foto: Divulgação/Inter

O Internacional derrotou o Grêmio neste sábado. O Colorado fez 1 a 0 no Tricolor e atrapalhou ainda mais o Grêmio na zona de rebaixamento, além de conquistar três pontos para a briga pela Libertadores.

O gol colorado foi marcado por Taison, no primeiro tempo. Edenilson cruzou para o camisa 10. Após a partida, o volante concedeu entrevista na saída de campo.

“Primeiramente parabenizar a equipe, o grupo. A gente fez uma semana de trabalho muito boa. Logo após a derrota para o São Paulo a gente se reuniu, falou que era uma semana especial. A gente vinha sem vencer e dentro de casa, um clássico da forma como foi, brigado. Felizmente a gente saiu com essa vitória que nos deixa mais perto do G-6”, afirmou Edenilson.

No apito final, uma confusão generalizada deixou as duas equipes com expulsos. Bruno Cortez e Patrick receberam cartões vermelhos, após provocações pelo iminente rebaixamento gremista. Edenilson comentou:

“Clássico é sempre assim, os nervos estão sempre à flor da pele. É ruim para o espetáculo, a gente já falou outras vezes, mas às vezes é inevitável. A gente tenta não fazer, eu mesmo participei da última briga, hoje tentei separar. Da última vez que eles ganharam também fizeram isso, provocações. Quando ganha, pode zoar e quando perde não pode ser zoado? Falo das duas equipes. A gente perdeu aqui dentro ano passado, foi zoado, não teve isso. Tem que saber ganhar e saber perder”, concluiu.

Comentários
Loading...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar Aceitar Ler mais