Saída de Guerrero diminui ‘dor de cabeça’ para Aguirre e abre possibilidades para Palacios

Foto: Ricardo Duarte/Internacional

Diego Aguirre convivia com uma ‘dor de cabeça’ ao fazer a lista de relacionados para as partidas. Em todos os jogos, quando tinha ao menos seis ou sete atletas estrangeiros à disposição, o uruguaio precisava optar por cinco e um ou dois ficavam de fora. Agora, a dúvida diminuiu.

A CBF permite aos clubes relacionarem no máximo cinco jogadores sem cidadania brasileira para os jogos nas competições nacionais. O Inter contava com sete estrangeiros. Sempre sobravam dois, quando todos estavam disponíveis ao treinador.

A iminente saída de Paolo Guerrero do Clube do Povo ajudará Diego Aguirre nesse quesito. Geralmente o uruguaio deixava de fora Carlos Palacios e Juan Cuesta. Agora, poderá optar por um deles para entrar na vaga de estrangeiros no lugar do centroavante peruano.

O Clube do Povo tem quatro estrangeiros na defesa e todos são peças confirmadas na equipe de Diego Aguirre. No time titular, o uruguaio Bruno Méndez e os argentinos Renzo Saravia e Víctor Cuesta – além do reserva imediato Gabriel Mercado. A quinta vaga ficaria entre Palacios e Cuestinha, embora o chileno, pelo investimento e por ser parte oficial da equipe profissional, seja o favorito para a posição. O colombiano integra o time sub-20.

Paolo Guerrero deve ter seu contrato oficialmente rescindido nos próximos dias. O peruano não atuará mais pelo Colorado, após pedir liberação no início da semana. A diretoria do Internacional e o agente do atleta negociam os termos da rescisão.

Comentários
Loading...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar Aceitar Ler mais