Presidente do Inter é contra liberação de espaço aos visitantes: “Uma afronta ao torcedor colorado”

Foto: Reprodução

No começo desta semana A CBF atualizou o protocolo para o retorno do público aos estádios e liberou a torcida visitante nos jogos. A direção do Internacional se mostrou contraria a isso. O presidente Alessandro Barcellos criticou a decisão da CBF em entrevista à Rádio Gaúcha.

“Somos veemente contrários a esta medida da CBF, que é populista e voltada ao interesse de alguns clubes”, começou Alessandro Barcellos.

Caso o clube seja obrigado a ceder espaços aos visitantes, alguns torcedores colorados ficarão de fora. O decreto local permite 30% da capacidade local. Parte dos acentos dos mandantes seria designado às torcidas rivais. O presidente considera isso uma afronta ao sócio.

“Acho isso um despropósito, no momento, ser autorizado. É um erro. Já pedi para que o jurídico avalie isso, de acordo com as obrigações do clube. Jamais vamos descumprir a legislação, mas acho isso uma afronta ao torcedor colorado. Os sócios passaram quase dois anos cumprindo com as suas obrigações e agora, com 30% do público, terão de abrir espaço para a torcida adversária e ter de tirar o torcedor colorado do estádio”, completou o mandatário no Show dos Esportes.

O Internacional terá dois jogos em sequência dentro de seus domínios. Nesta quinta-feira, o time gaúcho recebe o Red Bull Bragantino. No próximo final de semana, o Corinthians visita o Beira-Rio. No início do mês de novembro haverá um Gre-Nal no estádio colorado.

Comentários
Loading...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar Aceitar Ler mais