“O jogador que não joga nunca se sente confortável”, afirma representante de Palacios

Foto: Ricardo Duarte/Internacional

Maior contratação da temporada, o atacante Carlos Palacios vem jogando pouco com a camisa do Inter. O chileno de 21 anos, inclusive, por vezes sobra do banco de reservas por opção de Diego Aguirre.

Após a última convocação para a Seleção Chilena, ele desabafou no seu perfil oficial do Instagram.

“Os momentos vividos tanto na Seleção, como no Inter têm sido difíceis com altos e baixos, mas sempre tento contribuir de ambos os lados. Eu sou o primeiro a me reprimir e a fazer uma crítica construtiva, que também sei que com trabalho e esforço coisas boas sempre virão. Eu sempre darei o meu melhor com os braços sempre erguidos”, escreveu o chileno.

Segundo seu empresário, Sergio Gioino, Palacios quer jogar e vai brigar pelo seu espaço no Inter.

“Ele fez referência que não vai ficar assim e vai lutar para jogar. O jogador que não joga nunca se sente confortável. Passa por mais do que se machucar”, afirmou o estafe à Revista Colorada nesta segunda-feira (11).

Palacios segue a serviço da seleção chilena, que perdeu os últimos dois jogos para Paraguai e Peru. O chileno não esteve em campo nos duelos por opção técnica.

O Chile volta a jogar na quinta-feira, quando enfrenta a Venezuela, às 21 horas. Após esta partida, Palacios retorna ao Inter e deve ficar a disposição de Diego Aguirre no duelo contra o Palmeiras, no dia 17, fora de casa, às 16 horas.

Comentários
Loading...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar Aceitar Ler mais