Entre vendas, empréstimos e rescisões, Inter liberou ‘elenco’ de atletas na temporada atual

Foto: Inter/Reprodução
0

O Internacional está no processo de redução de folha salarial e redução de elenco, para tentar eliminar as dívidas que acompanham o clube há anos. As liberações, empréstimos e vendas de atletas foram maneiras que a diretoria colorada encontrou para diminuir os nomes da folha de pagamento.

Desde o fim da temporada de 2020, em fevereiro, o clube soma mais de 20 saídas, desde atletas que sequer estrearam no profissional, a titulares da reta final do Brasileirão. Inclusive o artilheiro da equipe no último ano, Thiago Galhardo. É quase um plantel inteiro de saídas.

Das opções de goleiro, Danilo Fernandes foi emprestado ao Bahia até o fim do vínculo com o Internacional e não retornará ao Colorado. Keiller também está por empréstimo, mas na Chapecoense. Carlos Miguel, que treinou recentemente com o time principal, rescindiu e assinou com o Corinthians.

Nas laterais, Uendel e Zeca rescindiram seus vínculos. O primeiro foi ao Cuiabá e o segundo ao Vasco da Gama. Lucas Mazetti foi emprestado ao Vila Nova, Léo Borges ao Porto B, Natanael renovou o vínculo de empréstimo com o Atlético-GO, clube que contratou Dudu em definitivo. Rodinei teve seu tempo encerrado e retornou ao Flamengo.

Na zaga, Roberto foi a saída mais recente, liberado para assinar com o Lviv. O clube ficou com uma porcentagem para futuras transações. Antes disso, Matheus Jussa terminou seu vínculo e foi ao Fortaleza. Pedro Henrique, que recebeu algumas oportunidades na temporada, foi emprestado ao Sport Recife.

No meio-campo a lista tem Juliano Fabro, que mal sentiu o cheiro do time profissional do Inter em 2020, foi novamente emprestado. Dessa vez é para o Avaí, onde fica até o fim do vínculo com o Internacional. Martín Sarrafiore também pertence ao Colorado e está no Rio de Janeiro, jogando pelo Vasco. Mora na mesma cidade que Gustavo Nonato, emprestado ao Fluminense. Bruno Praxedes, por sua vez, foi vendido ao Red Bull Bragantino.

Na parte ofensiva a listagem é longa. Os emprestados são: Marcos Guilherme, que está no Santos, Thiago Galhardo do Celta de Vigo, Guilherme Pato do Cuiabá e João Peglow, do Porto. Leandro Fernández também está fora por empréstimo, mas não retornará do Nacional. Os que ficaram sem contrato são Léo Muchacho, do Desportivo Brasil e Abel Hernández, que fechou com o Fluminense.

Ao todo, nessa contagem, são 23 saídas de jogadores.

Empréstimos:

  • Danilo Fernandes (Bahia)*
  • Keiller (Chapecoense)
  • Lucas Mazetti (Vila Nova)
  • Léo Borges (Porto)
  • Natanael (Atlético-GO)
  • Pedro Henrique (Sport)
  • Juliano Fabro (Avaí)*
  • Martín Sarrafiore (Vasco da Gama)
  • Gustavo Nonato (Fluminense)
  • Marcos Guilherme (Santos)
  • Thiago Galhardo (Celta de Vigo)
  • João Peglow (Porto)
  • Guilherme Pato (Cuiabá)
  • Leandro Fernández (Nacional)*

*Até o fim do contrato com o Inter

Saídas Definitivas:

  • Carlos Miguel (Corinthians)
  • Zeca (Vasco da Gama)
  • Uendel (Cuiabá)
  • Rodinei (Flamengo)
  • Roberto (Lviv)
  • Matheus Jussa (Fortaleza)
  • Bruno Praxedes (Red Bull Bragantino)
  • Léo Muchacho (Desportivo Brasil)
  • Abel Hernández (Fluminense)
- Receba as notícias do Inter em primeira mão no seu celular, baixe nosso aplicativo!
Comentários
Loading...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar Aceitar Ler mais