Copa do Brasil de 2019 será a quarta em que um jogador colorado termina como artilheiro

Inter foi campeão em 1992, com Gérson como artilheiro do torneio

0

Paolo Guerrero tem cinco gols na Copa do Brasil, ao lado de Luciano e Pipico, que não jogarão mais. O peruano pode se tornar o artilheiro da competição, de forma isolada, caso marque um gol. Se não balançar as redes, terminará dividindo a artilharia com os outros dois atletas.

Desta maneira, Guerrero se tornaria o quarto atleta da história do Inter a ser artilheiro da Copa do Brasil. Em 1992, ano do título, Gérson balançou as redes em nove oportunidades. Dois anos depois, em 1994, Paulinho McLaren marcou por seis vezes. O mais recente foi Taison, em 2009. O atacante terminou a competição com sete gols.

Guerrero só não terminará como o quarto artilheiro colorado da história da Copa do Brasil se algum outro jogador finalista balançar as redes quatro vezes nesta noite e ultrapassá-lo – contando com que o peruano não faça gol. Marco Ruben, do Athletico, tem dois gols. Pelo lado do Inter, Edenilson também tem dois. São os mais próximos a Guerrero.

O jogo começa às 21h30 desta quarta-feira. O palco da vez será o Beira-Rio. Para ser campeão, o Colorado precisa reverter o placar de 1 a 0 conquistado pelo Furacão em Curitiba na semana passada.

- Receba as notícias do Inter em primeira mão no seu celular, baixe nosso aplicativo!
Comentários
Loading...
Colabore com o jornalismo independente:
e3ff5de2-730e-45e7-a9ef-41802cfe4b27
Pix (Chave aleatória)

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar Aceitar Ler mais