Ex-Inter, Elivélton fala sobre o ataque colorado de 2019

D'Alessandro conduz o restante da equipe ao sucesso, diz o ex-colorado

Em entrevista exclusiva para a Revista, o ex-atacante colorado comentou sobre o novo ataque do Inter. Ao ser perguntando sobre o camisa 9, Paolo Guerrero, Elivélton não se privou de elogios ao peruano.

“Eu acho Paolo Guerrero o verdadeiro centroavante: calculista e matador. É um centroavante que todos os clubes brasileiros gostariam de ter”, disse o ex-atleta colorado.

Elivélton jogou ao lado de outros camisas 9 clássicos. No Inter, chegou a fazer trio de ataque com “Uh” Fabiano e “Jesus” Christian. “No Brasil só tem dois jogadores matadores. Um está no Internacional e outro está em Minas Gerais, no Cruzeiro, o Fred. As características são parecidas e não é atoa que os dois estão ‘deitando’ em cima dos novato”, completou Elivélton.

Ao ser perguntando sobre o trio ofensivo colorado, D’Alessandro-Nico-Guerrero, o ex-colorado disse: “É muito fácil falar deles. São gringos, falam a mesma linguagem e são jogadores extremamente habilidosos. D’Alessandro, o mais experiente, conduz o restante da equipe ao sucesso. Um trio fortíssimo. Com certeza o Internacional está muito bem servido nessas posições”, concluiu Elivélton.

O entrevistado, além de ter sido jogador colorado no final dos anos 90, também é ídolo no Cruzeiro e no São Paulo. Ganhando Libertadores e Mundial pelo clube paulista. Elivélton foi o autor do gol do título da Libertadores de 1997, com o clube mineiro. Como se já não bastasse, o jogador vestiu a “amarelinha” e jogou em rivais como Corinthians e Palmeiras – inclusive fazendo gol no rival em final. Pelo Inter, Elivélton fez 28 jogos entre 1999 e 2000, marcando 4 gols.


Comentários
Loading...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar Aceitar Ler mais