Cuesta fala sobre confusão com Renato Portaluppi no clássico Gre-Nal e projeta final do Gauchão: “Para ganhar tem que atacar”

Foto: Divulgação / Inter 

(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});

No último domingo, o Internacional empatou com o Grêmio em 0 a 0 no Estádio Beira-Rio, pela primeira partida da final do Campeonato Gaúcho. 


Durante o confronto, o zagueiro Victor Cuesta acabou discutindo com o técnico Renato Portaluppi. 


O treinador da equipe adversária invadiu o gramado e colocou o dedo na cara do argentino. 


Na terça-feira, antes do treino fechado do Inter, o defensor concedeu entrevista coletiva e falou sobre o ocorrido.


“Às vezes o jogo está quente e tem confusões. Mas o que acontece no jogo fica ali dentro para mim. Eu não gosto de vir aqui na coletiva e falar de outros jogadores ou treinadores como alguns jogadores tem feito”, explicou o zagueiro. 


(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});

Depois, Cuesta também falou sobre o confronto desta quarta-feira, na Arena, que irá definir o Campeão Gaúcho de 2019. 


“A gente tem que ser inteligente, mas para ganhar tem que atacar. Para tentar conseguir esse titulo tem que propor o jogo. Vamos sair para tentar vencer”, completou.


Comentários
Loading...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar Aceitar Ler mais