Segundo maior movimento do Inter critica entrega de camisa a Jair Bolsonaro

Foto: Divulgação / O Povo do Clube 



(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});

Na última sexta-feira, Marcelo Medeiros esteve em Brasília para tratar de assuntos relacionados ao futebol com o Ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni.


Por lá, também foi recebido pelo presidente da República, Jair Bolsonaro. No encontro, o Medeiros entregou uma camisa personalizada do clube gaúcho ao mandatário do país.


Através das redes sociais, porém, o segundo maior movimento político do Inter, O POVO DO CLUBE, repudiou a entrega da camisa a Bolsonaro.


“Hoje, com muita tristeza, vimos vestir o manto do Clube do Povo aquele que discursa contra as minorias, comemora ditadura, exalta tortura e defende a retirada de direitos do povo. Aquele que diz ser vitimismo e nega a existência do racismo que tanto nos orgulhamos em combater. Se nosso manto falasse, ele certamente defenderia toda a carga popular que carrega e não se deixaria vestir por um fascista.


A visita ao Presidente mostra que política e futebol se misturam, sempre se misturaram. Mas a hipocrisia e o elitismo não estende o direito da livre manifestação aos torcedores, reserva isso apenas aos engravatados em seus gabinetes. Nos estádios toda e qualquer manifestação é reprimida pelos clubes e pelos agentes de segurança. Se os engravatados podem, os atores principais do futebol também podem, e somos nós, torcedores e torcedoras.



(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});

Que este episódio triste, de ver um homem que é o oposto de nossa história ganhar e vestir a camiseta que tanto defendemos, e ver um corrupto confesso fazer sinal de arminha, mirando nosso manto centenário, deixe claro que futebol é política. E que jamais esquecemos que o Internacional é do POVO e é ao lado deste e dos que o defendem que deve sempre estar”, escreveu o movimento, em nota divulgada na sexta-feira.





Comentários
Loading...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar Aceitar Ler mais