Publicidade

Muricy Ramalho faz avaliação do Inter na Libertadores

Foto: Reprodução 

O Internacional estreia na Libertadores da América nesta quarta-feira em confronto diante do Palestino, no Chile, às 19h15min no horário de Brasília. Em entrevista para o portal GauchaZH, o técnico Muricy Ramalho deu dicas de como atuar na competição, uma vez que ela será a primeira da de Odair Hellmann. Pelo Santos, ele foi campeão da Libertadoros em 2011. 


“O técnico tem suas convicções e tem que trabalhar em cima disso. Se ele foi escolhido como técnico, fez um grande Campeonato Brasileiro, tem que ir em cima de suas convicções. Ele conhece o time muito melhor que a gente e tem que pôr em prática o que ele faz no dia a dia”, disse o ex-treinador.

O time montado pelo técnico colorado nas últimas rodadas do Gauchão deixou claro que D’Alessandro não deve mais ser titular (pelo menos por momento). 

“É difícil opinar de longe sobre o time. O dia a dia faz a diferença. O D'Alessandro é um jogador diferente e faz falta porque tem experiência, tem toque refinado, mas o treinador está no dia a dia e sabe o que faz. Até por não ter começado bem o Campeonato Gaúcho, vai sofrer pressão mesmo, mas tem que se reinventar toda hora, buscar alternativas no time”, afirmou. 

Muricy Ramalho também lembrou da época em que passou pelo colorado. Em 2005, por exemplo, foi vice-campeão nacional, perdendo o título para o Corinthians. 

“Era um pouco diferente, porque na minha época o problema era mais de estrutura. O Inter vinha brigando para não cair, teve que fazer uma reestruturação muito difícil. A gente não tinha a parte econômica para reconstruir o time, então tivemos que buscar os jogadores na base e, pouco a pouco, fomos arrumando a estrutura. Agora está um pouco diferente. O Inter vem de uma Segunda Divisão, mas com uma estrutura melhor. Recuperou-se bem no Brasileirão, mas a gente sabe que em time grande como é o Inter, a exigência é sempre enorme”. 

Para finalizar, o agora comentarista falou sobre o grupo do Inter na Libertadores, que é considerado o “grupo da morte”. Para ele, ao lado do River, o time gaúcho é o favorito a primeira fase. 

“É um grupo complicado, mas os favoritos são Inter e River. Claro que o Palestino surpreendeu, e tem o Alianza, que é peruano e faz tempo que um time peruano não tem boa atuação na Libertadores. O Inter se preparou bem, fez várias contratações, não começou bem o Gauchão, é verdade, mas nas últimas rodadas até teve um bom futebol e tem chances nesta primeira fase”. 
Muricy Ramalho faz avaliação do Inter na Libertadores Muricy Ramalho faz avaliação do Inter na Libertadores Reviewed by Revista on março 05, 2019 Rating: 5
Comentários
0 Comentários