Paolo Guerrero
Nico Lopez

Rodrigo Caetano informa data da vinda de Paolo Guerrero ao Brasil em 2019

0

Continua depois do anúncio

Foto: Divulgação / Inter 



A imprensa peruana informou, nesta quinta-feira, que o centroavante Paolo Guerrero poderá vir ao Brasil para começar a se preparar para a estreia com a camisa do Inter do mês de janeiro. 



A ideia seria que o jogador começasse a trabalhar em separado no Rio Grande do Sul buscando ficar em condições para que, no mês de fevereiro, quando a FIFA o liberará para voltar aos gramados, esteja bem fisicamente. 



É bom lembrar que nesta data o jogador poderá começar a trabalhar com o restante do elenco do Inter, mas não terá condições de atuar em jogos oficiais. A punição para que possa voltar a jogar acaba no mês de abril. 



Em contato com a nossa reportagem, porém, Rodrigo Caetano informou que a princípio o jogador deve vir para Porto Alegre no mês de fevereiro, quando irá receber autorização da FIFA. 



(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});

(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});

“Não tem nada definido. Ele vem oficialmente em fevereiro quando a FIFA permite que ele treine no clube. Temos que tomar todos os cuidados”, disse Rodrigo Caetano. 


O centroavante peruano está suspenso por doping devido a ter sido flagrado com metabólico de cocaína no organismo na partida da Seleção Peruana diante da Argentina. 



Desde lá vem tentando provar sua inocência. A defesa do atacante informa que ele foi contaminado com um chá que foi servido no local que serviu de concentração para a sua seleção, em outubro de 2017. 



Paolo Guerrero até foi liberado para atuar na Copa do Mundo, mas logo depois, quando já havia firmado vínculo com o Inter, acabou tendo a liminar que lhe dava direito de atuar cassada. 



Antes do final do ano o jogador terá mais um recurso julgado e existe a possibilidade de que seja liberado antes do prazo no imposto pelo TAS – em abril de 2019. 

Comentários
Carregando comentários...

Este site usa Cookies para aperfeiçoar a experiência dos leitores. Aceita continuar? Aceito Ler: Política de privacidade e cookies