Publicidade!

Onze pessoas de Porto Alegre são indiciadas no caso de difamação a família de D’Alessandro; ex-conselheiro gremista está entre elas

Foto: Reprodução 


Na tarde desta quinta-feira, a colega Amanda Munhoz, do portal GaúchaZH, trouxe a informação de que parte do inquérito policial buscava apurar os crimes de difamação contra D'Alessandro nas redes sociais foi concluído e entregue à justiça pela Polícia Civil. 

Nesta etapa da investigação, acabaram sendo indiciadas 11 pessoas por ofensas contra a família do jogador. Segundo a colega, o delegado Marco Guns, que é responsável pela Delegacia de Polícia de Repressão aos Crimes Informáticos, deve entregar o restante da investigação com os nomes dos outros responsáveis pelas difamações nas redes sociais que não residem na capital gaúcha nos próximos dias. 


Segundo a publicação do GaúchaZH, o relatório confirma, através de prints das redes sociais, as participações de Renan Schizzi, Álvaro Carvalho da Silva, Giuliano Rossoni Vieceli, Jorge Clovis Lopes Junior, Rafael Maroni, Ricardo Cavichini, Matheus de Almeida Reginatto, Alexandre Antonio Schustter, Fábio Fergutz Goveia, André Rocha Boaz e Diogo Klein Peraça. 


Dos indiciados, apenas 7 admitiram que fizeram postagens nas redes sociais difamando a família do jogador. O ex-conselheiro do Grêmio, Giuliano Vieceli, não se manifestou durante o depoimento. 


"É preciso que a sociedade se conscientize que compartilhar boatos ou mesmo praticar atos ofensivos contra outra pessoa pode ocasionar inúmeros transtornos", afirmou o advogado de D'Alessandro, Mateus Marques.
Onze pessoas de Porto Alegre são indiciadas no caso de difamação a família de D’Alessandro; ex-conselheiro gremista está entre elas Onze pessoas de Porto Alegre são indiciadas no caso de difamação a família de D’Alessandro; ex-conselheiro gremista está entre elas Reviewed by Revista on agosto 09, 2018 Rating: 5
Comentários
0 Comentários