Intro AD

Conselho Deliberativo do Inter aprova nova modalidade de associados popular

Foto: Divulgação / Inter

O Projeto “SÓCIO POPULAR” foi aprovado em reunião do Conselho Deliberativo do Inter na noite desta segunda-feira. Nele, o associado mais carente tem custo de R$ 10 mensais e mais 10 reais na compra do ingresso. O intuito é levar o torcedor de baixa renda ao Estádio Beira-Rio, além de aumentar o número de associados e também a taxa de ocupação do estádio nos jogos do Inter.

Nesta modalidade somente poderão se associar torcedores com renda mensal de até dois salários mínimos, comprovada por carteira de trabalho e contra-cheque. Também poderão fazer parte membros de famílias cadastradas em programas sociais do governo e estudantes de escola pública.

Aquele torcedor de baixa renda que não tiver contra-cheque ou carteira de trabalho deverá ser indicado por sócio, assinar um termo específico de baixa renda e passará por análise de um comitê interno do clube para poder se associar.

No entanto, essa modalidade de torcedores somente poderia fazer a compra do ingresso após o término do Check-in dos carteiras Vermelhas e Campeões do Mundo que pagam mais e tem preferência na compra dos ingressos. Em jogos de grande procura, haverá uma quota de ingressos para a modalidade, para que esses torcedores também tenham a chance de assistir o Inter em jogos decisivos.

Segundo os idealizadores do projeto, hoje, somente 6% dos associados do clube poderiam migrar para está modalidade de sócios. Eles também citam a média de 23 mil torcedores nos jogos do Inter nos últimos Campeonatos Brasileiros e o número de sócios, que desde 2009 estagnou em torno dos 100 mil associados.
Conselho Deliberativo do Inter aprova nova modalidade de associados popular Conselho Deliberativo do Inter aprova nova modalidade de associados popular Reviewed by Revista on junho 26, 2017 Rating: 5
Comentários
0 Comentários

Antes de sair gostaria de curtir a fanpage do blog?